A Área Tributária no enfoque da Indústria 4.0

Vamos falar sobre os efeitos do conceito da indústria 4.0 na área tributária. O conceito da indústria 4.0 é fundamentado pela utilização intensiva de tecnologia de informação e automação de processos. Obviamente, o conceito foi pensado e desenvolvido para atendimento de processos fabris, mas, em sua evolução entende-se possível a utilização nas atividades administrativas. Importante Leia mais sobreA Área Tributária no enfoque da Indústria 4.0[…]

Comunicado Decreto 47.621/2019

Comunicado Decreto 47.621/2019 Prezado cliente, o Governo do Estado de MG publicou o decreto 47.621/19 dando a opção ao contribuinte de fazer a adesão para que não seja necessário o controle das operações com mercadorias sujeitas à tributação por Substituição Tributária. Ocorre que, a adesão ao Decreto faz com que os contribuintes abram mão de Leia mais sobreComunicado Decreto 47.621/2019[…]

Reduz a sonegação fiscal face acompanhamento rigoroso da RCB

De uns tempos para cá pode se perceber uma redução na sonegação de impostos entre os empresários, segundo IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação). São dados aproximados a 8% de queda em 10 anos, vez que 2008 a ocultação chegava a 25% e 2018 foi registrado apenas 17%. A Receita Federal Brasileira tem forte Leia mais sobreReduz a sonegação fiscal face acompanhamento rigoroso da RCB[…]

Revisão tributária: quais os procedimentos principais para reduzir a carga tributária?

Revisão fiscal nada mais é que apurar o calculo na empresa, adequando-a conforme a legislação determina, trazendo, inclusive, a redução do peso tributário ao empresário. Abordando os principais procedimentos, primeiramente é importante entender qual o regime tributário mais adequado para a atividade da empresa, a fim de evitar obrigações fiscais desnecessárias. Vamos abordar os principais: Leia mais sobreRevisão tributária: quais os procedimentos principais para reduzir a carga tributária?[…]

Novas diretrizes sobre o ICMS/ST da SEFAZ/SP poderão ocasionar um grande volume de ações judiciais contra o Estado de São Paulo

Recentemente a Secretaria da Fazenda de São Paulo publicou o Comunicado CAT n° 06/2018 e a Portaria CAT n° 42/2018. Ambas publicações trouxeram entendimentos e mudanças em relação ao direito e a forma de recuperação do ICMS/ST pelos contribuintes que tiveram valores retidos deste imposto no momento da compra de mercadorias. Ocorre que, o Comunicado Leia mais sobreNovas diretrizes sobre o ICMS/ST da SEFAZ/SP poderão ocasionar um grande volume de ações judiciais contra o Estado de São Paulo[…]

Novas diretrizes sobre o ICMS/ST da SEFAZ/SP poderão ocasionar um grande volume de ações judiciais contra o Estado de São Paulo

Recentemente a Secretaria da Fazenda de São Paulo publicou o Comunicado CAT n° 06/2018 e a Portaria CAT n° 42/2018. Ambas publicações trouxeram entendimentos e mudanças em relação ao direito e a forma de recuperação do ICMS/ST pelos contribuintes que tiveram valores retidos deste imposto no momento da compra de mercadorias. Ocorre que, o Comunicado Leia mais sobreNovas diretrizes sobre o ICMS/ST da SEFAZ/SP poderão ocasionar um grande volume de ações judiciais contra o Estado de São Paulo[…]

Receita aprova Parcelamento Especial para optantes do SIMPLES (PERT-SN)

A adesão ao PERT-SN poderá ser feita até 09/07/2018. No dia 23/04/2018 foram publicadas no DOU as resoluções CGSN n° 138 e 139 regulamentando o PERT-SN (Programa Especial de Regularização Tributária das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte optantes pelo Simples Nacional. Os débitos apurados no Simples Nacional até a competência de Novembro de 2017 Leia mais sobreReceita aprova Parcelamento Especial para optantes do SIMPLES (PERT-SN)[…]

Você está calculando o INSS certo?

Todos sabemos que a carga tributária brasileira é elevada e este tema não sai da pauta de discussões do empresariado, visto que causa diversos reflexos na economia de forma geral. Na composição da carga tributária, além do custo direto, que é o valor a ser recolhido aos cofres públicos, existe ainda o custo com a Leia mais sobreVocê está calculando o INSS certo?[…]